Sexta-feira, 6 de Maio de 2011

...

Talvez um dia eu me encontre contigo num lugar que talvez apenas pertença à imaginação de toda a gente, mas que me conforta pensar que existe…

 

publicado por Ketch às 22:09
link | comentar | favorito
Quarta-feira, 12 de Maio de 2010

Resumo de uma noite ranhosa do enterro da gata '10

Álcool (presente em todos os momentos),

 

risos que não faziam sentido sem a substância mencionado anteriormente, sorrisos como quem diz «’tá bem»,

 

uma música do concerto,

 

pessoas que não gostam de mim a abraçarem-me e a dizerem mentiras enormes, eu a acompanhar porque acho piada, espectadores a rirem-se,

 

solidariedade, descobertas, sorrisos interiores, fugas, medos,

 

desequilíbrios, tropeções, casas de banho bnhec, shots de borla com efeitos nefastos,

 

tentativas pouco subtis, rejeições descaradas e com ar de nojo, puxões, neuras,

 

música que em dias normais dava dores de cabeça, danças pouco ortodoxas,

 

cerveja no copo, no chão, no estômago, na roupa e (dependendo dos banhos) na roupa interior,

 

olhos pesados, fumo, sono, tonturas, memórias recalcadas, pensamentos feios, conversas sem sentido,

 

inconfidências estúpidas, enfiar barretes enormes, ter vontade de… calar-me,

 

entrar no autocarro, turbulência,

 

sofá alheio, «eu quero ir para a minha casa», ir para casa, roubar um pão da carrinha das entregas, responder «está tudo bem» e dormir.

sinto-me: Bnhec.
música: nada.
publicado por Ketch às 20:32
link | comentar | ver comentários (6) | favorito
Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2009

2009's ego.

Acho que é o primeiro balanço de final de ano que faço, assim de repente. 2009 foi um ano de mudanças enormes, de gripes enormes, de gastroenterites enormes, de derrotas e de grandes vitórias. Aqui vai o melhor do último ano:

 

                O ingresso em Ciências da Comunicação na UM. Braga tem sido palco de muitas peripécias, catapulta para decisões importantes e um sítio onde me habituei a gostar de estar.

Graças à minha entrada na UM conheci os 7 magníficos (tínhamos de ser 7, nem de propósito), verdadeiros companheiros do bom e do mau, do gargalhar e tudituditudo…

 

 

                Novos projectos em campos diversos. Este último ano ofereceu-me oportunidades únicas como a Rádio, os Jarojupe, a reformulação da banda, a Omni, o Teatro, as Danças de Salão e outras que tal… e também uma falta de tempo incrível…


 

                Sobrevivência. Para além de ter sobrevivido ao spot publicitário do Pingo Doce, este ano bati o recorde de doenças parvas no mais curto espaço de tempo… e não morri (ainda estou para perceber como).

 

                «Bué» (como diz a Tânia) de coisas que não me lembro, mas que devem ter sido mesmo muito importantes. Porque eu digo que «a minha vida é muito difícil», mas adoro tudo aquilo que tenho e que vou construindo.

 

 

 

                E é isto. Agora vou dormir que já foi demais por hoje…

 

                Jude – I Know. Eu casava com esta letra…

 

 

 

You've got such a pretty smile
It's a shame the things you hide behind it
Let 'em go
Give it up for a while
Let 'em free and we will both go find it

I know there's nowhere you can hide it
I know the feeling of alone
I know that you do not feel invited
But, come back, come back in from the cold

Tell me how you really feel
Tell me what is on the inside of you
All the somethings you conceal
Only keep away the ones who love you

Step away then from the edge
Your best friend is life is not your mirror
Back away, come away
Back away, come away
Back away, come away
Back away, come away
Back away, come away
Back away, come away
I am here and I will be forever

I know there's nowhere you can hide it
I know the feeling of alone
Trust me and don't keep that on the inside
Soon you'll be locked out on your own

You're not alone
You're not alone
And don't say you've never been told
I'll be with you 'til we grow old
'til I'm in the ground and I'm cold
I'm not sitting up here on some throne
Like a dog you can always come home
Dig up a bone
Look around

 
 

 

sinto-me: Bem :D
música: jude - i know
publicado por Ketch às 01:47
link | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 11 de Março de 2009

E tudo o que quero é fugir.

Já não tenho mais lágrimas, a sério que não. Realmente as pessoas não duram para sempre, mas porquê hoje, porquê assim de repente, porque não tive tempo de me despedir, de lhe dar um abraço? De dizer-lhe que foi realmente importante para mim de algum modo, de um modo que talvez ninguém perceba, mas foi. Foi um dia dedicado a lágrimas, momento sim, momento não. E tudo o que me apetece é fugir.

tags: ,
publicado por Ketch às 20:23
link | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 13 seguidores

.pesquisar

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. Resumo de uma noite ranho...

. 2009's ego.

. E tudo o que quero é fugi...

.arquivos

. Dezembro 2012

. Junho 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds